Sintomas da leucemia que costumam passar despercebidos

O tratamento contra a leucemia teve um importante avanço tecnológico nos últimos anos, no entanto grande parte do sucesso dos tratamentos na atualidade está diretamente relacionada a descoberta da doença em fase inicial, por isso é necessária atenção aos sintomas que podem representar um sinal de que a doença está se instalando.

Preparamos uma lista com 10 Sintomas Iniciais da Leucemia, doença que o quanto antes for descoberta melhora a eficácia do tratamento.

 

  1. Manchas Rochas e Vermelhas na Pele

As manchas Rochas e vermelhas na Pele aparecem quando o sangue não coagula e não flui de forma adequada, por causa da leucemia são muito comuns em pacientes que sofrem da doença, não confundir com erupções cutâneas as Manchas Rochas e Vermelhas aparecem nos braços e no peito principalmente.

 

  1. Dor nos Ossos ou Articulações

A leucemia é uma doença causada por uma deformação nos glóbulos brancos, importantes para a defesa do corpo, no caso da leucemia os glóbulos brancos são produzidos de maneira onerosa além de não conseguirem fazer a defesa do corpo se acumulam causando uma dor parecida com uma pontada.

 

Veja mais:

  1. Dor de Cabeça

As dores de cabeça surgem porque o fluxo sanguíneo até o cérebro e medula espinhal é restringido pelo acumulo dos glóbulos brancos, as enxaquecas também são dores de cabeça que quando o paciente sofre de leucemia tem origem pela contração nos vasos sanguíneos em colapso por causa da deformação dos glóbulos brancos.

 

  1. Gânglios Inflamados

A deformação nos glóbulos brancos é a primeira característica da leucemia, conforme a doença evolui ocorre interferência na produção de outras células sanguíneas como glóbulos vermelhos e plaquetas. A deformação nos glóbulos brancos e deficiência de glóbulos vermelhos responsáveis pela imunização do corpo diminui a capacidade de combater as infecções.

As infecções se instalam no corpo humano, alterada por um processo inflamatório que não cessa leva ao inchaço dos gânglios linfáticos, pequenas protuberâncias indolores de tonalidade azul ou violeta.

 

  1. Fraqueza e Cansaço

Os pacientes com leucemia têm a diminuição dos glóbulos vermelhos saudáveis, esse fator afeta a capacidade do corpo de transportar oxigênio e nutrientes, esta situação leva a quadros de anemia e fadiga crônica.

 

  1. Sangramentos incomuns

Os sangramentos em pessoas com leucemia acontecem por causa da diminuição do número de plaquetas que interfere na coagulação sanguínea, aumentando a suscetibilidade e hemorragias.

 

  1. Febres e Infecções frequentes

A febre e as infecções são comuns aos pacientes com leucemia, a doença em qualquer grau diminui consideravelmente o sistema imunológico, uma vez que interfere diretamente nos glóbulos brancos que perdem sua capacidade de defesa do corpo por isso os pacientes experimentam episódios contínuos de infecções respiratórias, gripes e outras doenças graves.

 

  1. Perda de Peso ou Diminuição do Apetite

A perda de peso pode estar relacionada ao efeito colateral da fadiga extrema que causa a diminuição do apetite, que também pode ser um sintoma de câncer. Além disso os gânglios inflamados por conta da proliferação de infecções que não podem ser combatidas impedem a alimentação de pacientes com leucemia.

 

  1. Falta de Ar e Fadiga

A leucemia causa uma fadiga extrema por se instalar na corrente sanguínea, esta fadiga pode ser confundida com a falta de ar, além disso a diminuição das células da oxigenação por conta do câncer no sangue, as células de oxigenação estão diretamente relacionadas com o pulmão ou pele que reveste este órgão que pode ser comprometido com a proliferação da doença.

 

  1. Dor Abdominal e Inchaço

Com o avança no quadro de leucemia o fígado e baço do paciente pode apresentar um considerável inchaço por causa da proliferação de infecções que não são combatidas por causa da deformação nos glóbulos brancos, o inchaço nestes órgãos causa muita dor e incomodo ao paciente.