Dormir de lado no último trimestre da gravidez reduz risco de morte fetal

A gravidez é um momento muito emocionante na vida de uma mulher. Acompanhar o crescimento de um ser dentro de você é algo realmente maravilhoso. Porém, apesar desse lado mágico do período gestacional, temos um outro lado onde alguns incômodos ocorrem.

Isto é bastante comum, mas é preciso tomar certos cuidados, para não afetar o desenvolvimento do bebê. Por exemplo, a questão de como uma gestante deve dormir. De acordo com especialistas do assunto, nos últimos meses de gravidez a mulher não deve dormir com sua barriga voltada para cima, é importante que ela durma de lado.

Por que? O motivo dessa orientação é que segundo os pesquisadores, quando a mulher gravida dorme de lado, ela diminui as chances de morte fetal. Veja mais sobre o assunto no decorrer desse post.

O estudo sobre a posição durante o sono e o risco de morte fetal

Veja mais:

Foram feitos algumas pesquisas sobre esse assunto em diversas partes do mundo, e todos chegaram a mesma conclusão: há maiores chances de haver morte fetal quando a mulher dorme de costas.

No Estudo MiNess, uma pesquisa feita com cerca de mil mulheres em período gestacional, a partir dos últimos meses, constatou que grande parte desse público que dormia de costas, acabou resultando em morte fetal.

Transformando os resultados em dados, a pesquisa apontou que 3,7% das mulheres que dormiam de lado tinham menos riscos de ter o seu bebê morto ao nascer. E aquelas que dormiam com a barriga para cima elevavam as chances para 2,3 vezes mais do bebê nascer morto.

É um fato chocantes, que foi comprovado também em pesquisas da Nova Zelândia e do Reino Unido.

 

Por que o risco de morte fetal aumenta ao dormir de costas?

Os números apontam que sim, há relação entre dormir de costas e a morte fetal. Porém, essas pesquisas ainda não encontraram o que motivou esse tipo de reação nos bebês. Ainda é preciso realizar inúmeras pesquisas novas sobre este assunto.

Entretanto, algumas hipóteses foram levantadas, e a mais aceita até o momento é que quando a mulher está dormindo de costas o útero somado ao peso da criança acabam pressionando as correntes sanguíneas que realizam a circulação de sangue e transportam o oxigênio. Sendo assim, o bebê não recebe essas substancias, o que pode causar sua morte.

Contudo, ainda é uma hipótese a ser confirmada através dos estudos que estão sendo realizados.

Devo me preocupar se eu acordar de costas? O meu bebê está em perigo?

Você tem o costume de dormir em determinada posição e acordar em uma nova? Pois é, muitas mulheres gravidas tem esse problema, daí vem a dúvida: tem riscos para o bebê se você acordar em uma outra posição?

Segundo os especialistas nesse assunto não há nenhum problema, pois o que pode mesmo trazer prejuízos ao seu bebê é a maneira como você se deitou inicialmente. Isto porque a primeira posição é a que você permanecerá por mais tempo. Sendo assim, se você acordar de barriga para cima, não se desespere, porque não afetará a sua criança.

Uma dica para evitar esse tipo de situação é utilizar alguns travesseiros para evitar o rolamento na cama. E mais, quando for dormir, mesmo que um cochilo a tarde, sempre deite-se de lado.